Terça-feira, 23 de julho de 2024
informe o texto

ENERGIA LIMPA

Cuiabá é a capital que mais gera energia solar no Brasil

 

A Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltacia (Absolar) divulgou em agosto, novos dados sobre a produção de energia fotovoltaica e, pelo 15º mês consecutivo, Cuiabá continua na liderança do ranking, sendo a cidade com mais potência instalada (131,8 MW) de Geração Distribuída no Brasil.  

Para o presidente do Sindicato da Construção, Geração, Transmissão e Distribuição de Energia Elétrica e Gás de Mato Grosso (Sindenergia), Tiago Vianna, benefícios fiscais, facilidade de aquisição e valor são fatores que contribuem para que Cuiabá seja a cidade do país líder em instalação de placas solares.  

“A demanda na capital mato-grossense por energia fotovoltaica aumentou de forma considerável e o mercado segue num ritmo acelerado de crescimento. As facilidades para adquirir placa solar, o retorno garantido do investimento, a diminuição com os gastos de energia elétrica e a qualidade do trabalho que as empresas oferecem tornam Cuiabá um celeiro de produção solar”, declarou o presidente do Sindernergia, Tiago Vianna.  

Os novos dados da Absolar mostram que Cuiabá é seguida no ranking por Teresina (PI), com 119,1 MW e Brasília (DF) também com uma produção de 119,1 MW.  Já no ranking dos estados, Mato Grosso é o quarto que mais produz energia solar no país. A produção de energia distribuída é de 784,0 MW, atrás apenas de Minas Gerais, na liderança com 1.932,9 MW; São Paulo em segundo lugar com 1.613,3 MW e Rio Grande do Sul em terceiro com 1.368,2 MW.   

O levantamento da Absolar aponta ainda que o Brasil possui mais de 17,5 GW de potência operacional a partir da energia solar. Ou seja, R$ 90,9 bilhões em novos investimentos com 524 mil novos empregos gerados no mercado fotovoltaico. Assim, foram arrecadados mais de R$ 24,6 bilhões em tributos e mais de 25,7 milhões de toneladas de gás carbônico que não foram para a atmosfera. 

ENERGIA GD - A geração distribuída são sistemas de microgeração (até 75 KW) e minigeração (acima de 75 KW até 5MW) distribuída solar fotovoltaica implantados em residências, comércios, indústrias, propriedades rurais e prédios públicos.

 

 
Sitevip Internet