Terça-feira, 27 de fevereiro de 2024
informe o texto

MERCADO IMOBILIÁRIO

Queda de juros cria boas perspectivas para compra imediata de imóveis

Cenário mostra que o momento ideal para quem planeja a compra da casa própria é agora

Foto: Assessoria

Queda de juros cria boas perspectivas para compra imediata de imóveis
O mercado de imóveis se prepara para ficar ainda mais aquecido. O início da queda da taxa básica de juros do Brasil (Selic), definida pelo Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central neste mês, e a perspectiva de novos cortes já sinalizada pelo órgão fazem aumentar a busca pelos empreendimentos. O cenário, portanto, mostra que o momento ideal para quem planeja a compra da casa própria é agora, inclusive aqueles que estão em construção.
 
A queda na taxa de juros possui dois efeitos muito positivos para o mercado imobiliário. Ela aumenta a demanda por novos imóveis, fazendo com que eles se valorizem, e causa a redução nos juros cobrados pelos bancos nos financiamentos imobiliários, reduzindo o valor total a ser pago por quem compra um imóvel.
 
Quem comprou um imóvel nos últimos 12 meses obteve ganhos importantes. Neste período, os imóveis se valorizaram, em média, 11,49% de acordo com o Índice Geral do Mercado Imobiliário Residente (IGMI-R), criado pela Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip). No mesmo período, a inflação medida foi de 3,99%.
 
"Isso significa um ganho real de mais de 7%, já descontada a inflação, o que deixa claro que o momento é excelente para quem quer comprar um imóvel, seja para morar, seja para investir", destaca o diretor comercial da BC Genera, Bernardo Bonilha. A construtora é responsável pela obra, em Cuiabá, do Terraço Brasil Beach.
 
Neste sentido, ganham força os imóveis que ainda estão em construção. Isso porque o mercado já espera os cortes na taxa de juros que serão feitos ao longo dos próximos meses que vão baratear o financiamento bancário destes imóveis, que entram em vigor na entrega das chaves.
 
"Ou seja, se você comprar um imóvel agora, está adquirido um investimento sólido, antes do maior aquecimento do mercado e pagando juros menores quando iniciar a quitar as parcelas do financiamento", explica Bonilha.
 
Sitevip Internet