Terça-feira, 27 de fevereiro de 2024
informe o texto

PARCELAMENTO DE MULTA

Ex-prefeito alega problemas financeiros e divide multa em 3 parcelas

Há sete anos o Judiciário tenta o pagamento da sanção

Foto: Reprodução/ Redes sociais

Ex-prefeito alega problemas financeiros e divide multa em 3 parcelas

Ex-prefeito Meraldo Sá

O ex-prefeito de Acorizal (62 km ao norte de Cuiabá), Meraldo Sá conseguiu na Justiça o parcelamento de uma multa de R$ 16,8 mil em três vezes. Há sete anos o Judiciário tenta o pagamento da sanção, que é fruto de uma condenação do ex-gestor por promoçao pessoal utilizando a prefeitura.
 
Meraldo Sá pediu que o parcelamento fosse feito em cinco vezes, mas o Ministério Público Estadual (MPE) apresentou o cálculo atualizado e defendeu o pagamento do débito em três parcelas, o que foi acatado pela juíza Celia Vidotti, da Vara Especializada em Ações Coletivas.
 
"Desta forma, defiro o pedido de parcelamento do saldo devedor de R$16.868,02, em três parcelas mensais, que deverão ser depositadas na conta judicial vinculada a este feito, até o dia 20 de cada mês, iniciando-se no mês de setembro de 2023", diz trecho da decisão.
 
Meraldo, que responde a várias ações por improbidade administrativa da sua época de prefeito, foi condenado por promoção pessoal usando material impresso pela Prefeitura de Acorizal. Além de ter os direitos políticos restritos, também foi determinado que ele devolvesse o valor do prejuízo causado aos cofres públicos.
 
Sitevip Internet