Terça-feira, 21 de maio de 2024
informe o texto

PRODUTO DO CRIME

Justiça nega devolução de Corolla a esposa de integrante do CV

Investigações apontam que mulher também integra quadrilha de ladrões de carros

Uma decisão do juiz Jean Bezerra, da 7ª Vara Criminal, manteve a apreensão de um Corolla, avaliado em R$ 93,6 mil que pertence à esposa de uma integrante do Comando Vermelho em Cuiabá. A mulher faz parte da quadrilha que furtava carros para revenda através da confecção de "placas frias".
 
Segundo a mulher, ela e esposa brigaram e a companheira ficou com o carro sem a sua autorização. Em maio deste ano a integrante do Comando Vermelho foi presa e o carro apreendido por suspeita de ser fruto da atividade ilícita.
 
Ao negar a devolução do carro o magistrado enfatizou que a mulher com quem o veículo foi apreendido faz parte de "uma complexa organização criminosa especializada em roubo, furto, desmanche, receptação e adulteração de veículos automotores e peças, sendo R. uma das supostas responsáveis por 'esfriar' os produtos ilícitos por meio de produção de placas e lacres falsos".
 
E que, "ao que tudo indica, ela é a verdadeira proprietária de fato do bem pleiteado, uma vez que a apreensão se deu em sua posse e não na da requerente, sem justificativa idônea para tanto".

Enquete

Qual aspecto considera mais crucial para melhoria do Cuiabá no Brasileirão?

Você deve selecionar uma opção
 
Sitevip Internet