Quinta-feira, 25 de julho de 2024
informe o texto

COOPERATIVA

Sicredi projeta crescimento de 17% em número de associados PJ no Brasil

Instituição financeira cooperativa tem mais de um milhão de empresas associadas

Foto: Assessoria

Sicredi projeta crescimento de 17% em número de associados PJ no Brasil
O Sicredi prevê aumentar sua base de associados pessoas jurídicas (PJ) em 17% no ano de 2023. Dos mais de um milhão de associados PJ no Brasil, 74% são micro e pequenas empresas; 22% microempreendedores individuais (MEI) e 4% médias e grandes. A representatividade entre os menores é tão expressiva que, das mais de 1,1 milhão de pequenas empresas no Brasil, 25% são associadas atualmente à instituição.  

No recorte mato-grossense, a instituição financeira cooperativa possui 102 mil associados que se enquadram nos portes: micro empreendedores individuais (31,7%), micro (35,5%), pequenas (15,2%), médias (13,7%) e grandes (3,7%) empresas, nos setores de comércio, serviços, indústria, agricultura e construção civil. Até agosto deste ano, o saldo da carteira de associados PJ superou a marca de R$ 7,2 bilhões, com R$ 4,3 bilhões em créditos concedidos de janeiro a agosto.  

O aumento segue a tendência apontada pelo Banco Central (BC), ao indicar que os associados (PF e PJ) às cooperativas de crédito já somavam 15,6 milhões em dezembro de 2022, sendo o ritmo de crescimento de associados Pessoas Jurídicas superior ao aumento de Pessoas Físicas. Ainda conforme o BC, as empresas já correspondem a aproximadamente 15% do total da base de associados às cooperativas de crédito no Brasil. No Sicredi, atualmente os associados PJ representam 14,4% da base. 

Acesso a linhas de crédito para manutenção e expansão dos negócios com taxas mais atrativas e adequadas à realidade, consultoria financeira e isenções são alguns diferenciais da instituição financeira cooperativa. Associado há quase 10 anos, Kessy Dionne (25), de Pontes e Lacerda/MT, começou a empreender e confeccionar joias aos 19 anos e contou com a contratação de produtos como Pronampe e Capital de Giro para alavancar o negócio. Hoje, tem uma loja física em Cuiabá (MT), onde também possui um estúdio de body piercing. “Vivemos altos e baixos, mas sempre em busca dos nossos sonhos. Hoje, a Dionne Joias é um sonho maior do que eu sonhei, e se Deus permitir, vamos evoluir ainda mais”, conta. 

“O atendimento próximo e a parceria para negócios e investimentos oferecidos pelo Sicredi estão atraindo cada vez mais empresas para o cooperativismo de crédito, reconhecido como uma alternativa ao sistema financeiro tradicional. Com a proposta de ‘entender para atender’, oferecemos soluções financeiras ideais para os negócios dos nossos associados, com taxas justas e participação nos resultados. É valido lembrar que a atuação da instituição financeira cooperativa beneficia não somente o crescimento dos associados, mas abarca a comunidade, promovendo o desenvolvimento da economia local”, afirma o diretor de Desenvolvimento de Negócios do Sicredi, Ézio Almeida. Ele complementa que a instituição financeira cooperativa atua para avançar ainda mais nesse segmento no Estado, disponibilizando às empresas soluções que atendam suas necessidades.  
 
Para dar suporte às empresas são mais de 300 soluções financeiras e não financeiras, entre elas Fluxo de Caixa (aceitação, cobrança, folha de pagamento, gestão de pagamentos e gestão financeira), crédito, investimentos, cartão empresarial, câmbio, consórcios, seguros, entre outros.  

Os produtos financeiros oferecidos pelo Sicredi e o relacionamento próximo com o gerente da conta são diferenciais destacados pelo empreendedor e empresário Waldir de Araújo Colman (50), de Cuiabá/MT, sócio de empresa do ramo de contabilidade e consultoria gerencial. Associado à cooperativa desde 2021, contratou consórcios (de veículo e imóvel) e linha de crédito para Capital de Giro para o desenvolvimento da empresa.  

“Para mim a maior vantagem de ser associado Sicredi é a praticidade que temos, a cartela de produtos oferecidos, além das taxas bancárias serem mínimas comparadas às outras instituições financeiras e a participação no resultado”, pontua. A empresa, que começou somente com ele e o sócio, hoje possui 4 funcionários e 140 clientes. A meta de Waldir é expandir ainda mais e alcançar a marca de 200 clientes até o fim de 2024.  

Carteira de crédito 

No mês de julho, o saldo da carteira de crédito para empresas superou a marca R$ 62 bilhões no Brasil, sendo que 38% deste montante estão concentrados em empresas de micro e pequeno portes. A carteira de crédito PJ representa 35% da carteira de crédito total da instituição financeira cooperativa.
 
Sitevip Internet