Quinta-feira, 30 de maio de 2024
informe o texto

COMEÇOU ERRADO

PM é expulso por falsificar diploma para entrar na corporação em MT

Comprovação de nível de escolaridade era exigência de concurso

Foto: Reprodução

PM é expulso por falsificar diploma para entrar na corporação em MT
Um policial militar de Mato Grosso foi expulso da corporação por ter falsificado o certificado de conclusão do ensino médio para ser efetivado por meio de concurso. A comprovação do nível de escolaridade era uma das exigências do concurso realizado em 2013.

Durante a apresentação dos documentos para a posse no concurso, o policial apresentou um certificado de conclusão que informava que ele concluiu os estudos na Escola Estadual José de Mesquita, localizada no bairro Porto, em Cuiabá.

No entanto, foi descoberta a falsificação e aberto um processo administrativo disciplinar (PAD). "(...) com base nos elementos probatórios existentes nos autos, considerando as alegações de defesa, conclui-se que o acusado SD PM G.C.J., é culpado dos fatos que lhe foram imputados na peça exordial, qual seja, ter apresentado um certificado falso de conclusão de ensino médio, visando sua inclusão nos quadros da PMMT", diz trecho do PAD.

Com a conclusão do processo no âmbito administrativo, foi determinada como pena a exoneração, tendo em vista que ele violou o Estatuto dos Militares Estaduais e também não cumpriu os requisitos do edital do concurso, inclusos na quinta fase do certame que tem caráter obrigatório.

Com a publicação da portaria no Diário Oficial de 5 de dezembro, o agora ex-soldado da PM tem cinco dias para entregar as fardas que possuir e também armas e outros apetrechos que pertençam ao Estado.

Enquete

Qual aspecto considera mais crucial para melhoria do Cuiabá no Brasileirão?

Você deve selecionar uma opção
 
Sitevip Internet