Terça-feira, 27 de fevereiro de 2024
informe o texto

COVARDE

Mulher tenta impedir marido de sair para bebedeira e acaba ferida gravemente na cabeça

Suspeito contou que havia atropelado a mulher, mas não soube explicar como

Foto: Reprodução

Mulher tenta impedir marido de sair para bebedeira e acaba ferida gravemente na cabeça
Um homem de 31 anos foi preso na noite deste domingo (11), após agredir a esposa durante um sentimento entre o casal. O fato aconteceu em Primavera do Leste (231 km ao Sul de Cuiabá). A vítima tentou impedir o marido de sair para beber, quando foi arremessada contra o muro, batendo forte com a cabeça.  

A guarnição da Polícia Militar foi informada via Ciosp, onde o solicitante informou que a vítima havia sido ferida pelo marido e estava no local inconsciente, e que necessitava do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

A equipe acionou o socorro médico e se deslocou para o local informado, onde encontrou a vítima desacordada com um grande corte na cabeça.

O suspeito, que estava no local disse que eles haviam chegado de um churrasco e ao manobrar o carro na calçada, acabou atingido a mulher, que ficou ferida na cabeça.

Dentro da ambulância do SAMU, a vítima acordou e informou que o marido a teria agredido. O homem  recebeu voz de prisão e foi levado para a delegacia.

Já na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), a vítima contou que ela e o marido haviam chegado de um churrasco, e quem sempre dirige o veículo e tem Carteira Nacional de Habilitação (CNH) é ela.

No entanto, o suspeito queria sair de carro para continuar a beber, sendo impedido por ela que colocou a chave no bolso. Revoltado, o homem partiu para cima dela, empurrando-a contra o muro da residência, vindo a bater a cabeça e sangrar muito. Após a pancada ela desmaiou.

Enquanto a equipe registrava o boletim de ocorrência, eles foram informados pelos plantonistas da UPA, que após receberem atendimento médico, a vítima havia se alterado com os enfermeiros e foragido unidade sem autorização médica.

Na delegacia, a testemunha que havia acionado a guarnição contou que ouviu gritos de pedido de socorro da vítima e ao sair para ver o que havia ocorrido, encontrou a mesma deitada na calçada com a cabeça sangrando, e o suspeito ao lado dela.

O crime foi registrado e encaminhado à Polícia Civil que investigará o caso.
 
Sitevip Internet