Domingo, 14 de abril de 2024
informe o texto

FALTA DE PAGAMENTO

Hospital processa mulher de Marcola por calote em cirurgia plástica

Defesa garante que esposa de líder do PCC fez acordo com unidade hospitalar

A companheira do líder máximo da facção paulista Primeiro Comando da Capital (PCC), Marco Willians Herbas Camacho, o Marcola, foi processada pelo Hospital Albert Einstein por inadimplência.

Nos autos, a unidade de saúde alega que Cynthia Gigliolli Herbas Camacho deixou de pagar parcela, no valor de R$ 6.675,33, de cirurgia realizada em 2021.

O procedimento contratado foi rinoplastia, no valor total de R$ 13.098,89. Segundo a defesa do Albert Einstein, apenas R$ 8 mil foram repassados ao hospital. Com o prejuízo, o centro médico decidiu entrar na Justiça, em 2023.

À coluna o advogado de Cynthia, Bruno Ferullo, afirmou que, recentemente, fez “um acordo extrajudicial e a questão foi resolvida”. “Aguardamos a homologação do juiz para extinguir o feito”, explicou. O processo tramita no Tribunal de Justiça de São Paulo.
 
Sitevip Internet