Terça-feira, 23 de abril de 2024
informe o texto

TODA FORMA DE AMOR

Casamentos LGBTQIA+ são apenas 2% das uniões em Mato Grosso

Foram 333 uniões homoafetivas contra 17.626 de pessoas heterossexuais

Os casamentos LGBTQIA+ foram apenas 2% das uniões realizado em Mato Grosso em 2022, segundo os dados das Estatísticas de Registro Civil divulgadas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Foram 17.626 casamentos entre pessoas de sexos diferentes e 360 da comunidade LGBTQIA+.

Em 2022 foram registrados em Mato Grosso 236 casamentos entre homens, sendo 112 em Cuiabá, e 97 entre mulheres, com 31 na Capital. No Brasil, 1,1% dos casamentos foram entre pessoas do mesmo sexo. Ainda assim, as 11 mil uniões representam um crescimento de 19,8% na comparação com 2021.

O casamento de pessoas do mesmo sexo foi legalizado no Brasil por meio de uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) em maio de 2011, equiparando esse tipo de união a dos casais heterossexuais. Apesar da legalização, os casamentos de fato só passaram a ocorrer a partir de maio de 2013, por meio de uma resolução do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que orientou os cartórios a realizarem esses casamentos civis sem que houvesse necessidade de autorização judicial específica.


Casamentos heterossexuais
Em 2022 foram registrados 17.626 casamentos heterossexuais em Mato Grosso, ou seja, entre pessoas de sexos diferentes. Destes, 3.597 foram realizados em Cuiabá. Entre as mulheres, a faixa etária com mais casamentos foi de 25 a 29 anos, já entre os homens de 30 a 34 anos. A maioria dessas celebrações ocorreu com os dois cônjuges solteiros, ou seja, que nunca se casaram ou divorciaram.
 
Sitevip Internet