Terça-feira, 23 de julho de 2024
informe o texto

RISCO

Moradores evacuam prédio após sentirem tremores em Praia Grande

Moradores ouviram dois estrondos, sentiram tremores e chegaram a acionar a Defesa Civil de Praia Grande

Foto: Reprodução

Moradores evacuam prédio após sentirem tremores em Praia Grande
O prédio residencial de 19 andares na cidade de Praia Grande, litoral de São Paulo, que foi evacuado às pressas em fevereiro após apresentar por risco de queda voltou a assustar a vizinhança nesse sábado (1º/6).

Vizinhos relataram ao portal G1 terem sentido novos tremores que teriam vindo do edifício Giovannina Sarane Galavoti, que está localizado na Avenida Jorge Hagge, no bairro Aviação.

Segundo a reportagem, moradores ouviram dois estrondos, sentiram tremores e chegaram a acionar a Defesa Civil de Praia Grande. A empresa responsável afirmou que o barulho é das obras para reforçar a estrutura do edifício.

O prédio de 23 pavimentos, além do subsolo, foi entregue em 2011 pela Construtora JR. Os 133 apartamentos estão distribuídos em 19 andares de moradias. Deste total, 80 são moradias fixas, com cerca de 250 pessoas — os demais são imóveis de veraneio.


Segundo informações do Corpo de Bombeiros, houve danos em cinco colunas pelo subsolo do prédio. À época, o prédio foi evacuado. Dias depois, moradores puderam apenas subir acompanhados pela Defesa Civil e pelos bombeiros para buscar itens pessoais dos apartamentos.

Dez dias após os tremores e o esvaziamento do prédio, foi iniciada obras para a recuperação da estrutura solicitada pela prefeitura da Praia Grande em todos os pavimentos danificados.

Na ocasião, a Construtora JR informou que estava custeando os gastos de hospedagem dos moradores que foram evacuados. Segundo a prefeitura da cidade, a maioria deles decidiu se abrigar na casa de parentes. Os que não tinham essa possibilidade foram alocados em um hotel.
 
Sitevip Internet