Terça-feira, 23 de julho de 2024
informe o texto

MENOR OFERTA

Exportações de soja em maio caem 7,92% ante a média dos últimos cinco anos em MT

No acumulado de janeiro a maio os embarques da soja em grão registram recuo de 6,40%, apontam os dados da Secex

Foto: Divulgação/AEN

Exportações de soja em maio caem 7,92% ante a média dos últimos cinco anos em MT
Em maio, Mato Grosso escoou 3,85 milhões de toneladas de soja em grão. O volume, segundo dados da Secretaria de Comércio Exterior (Secex), é 7,92% menor ante a média dos últimos cinco anos. Ao se analisar os embarques no acumulado de 2024, estes estão 6,40% menores frente ao mesmo período do ano passado.

De janeiro a maio o estado enviou para o exterior 16,68 milhões de toneladas de soja em grão. A queda, explica o Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea), “está atrelada à menor produção da soja 2023/24 em relação a 2022/23”.

A China segue como a principal compradora da soja mato-grossense. No quinto mês de 2024 foram enviadas para a gigante da Ásia 2,37 milhões de toneladas. Em seguida vem a Espanha com 410 mil toneladas.


Coprodutos da soja se destacam

O farelo de soja e o óleo seguem em destaque nas exportações mato-grossenses. De acordo com o Imea, com a retração dos preços dos coprodutos e a greve nos portos e nas esmagadoras da Argentina, os envios apresentaram crescimento.

Somente em farelo de soja foram enviados para o mercado externo 835,95 mil toneladas, enquanto em óleo 21,22 mil toneladas.

A Tailândia foi o destaque nas aquisições de farelo com 174,61 mil toneladas, enquanto no óleo foi a Argélia com 18 mil toneladas.
 
Sitevip Internet