Quinta-feira, 25 de julho de 2024
informe o texto

CRÉDITO

Sicoob vai liberar R$ 53,4 bilhões em crédito rural na safra 2024/2025

A instituição prevê um crescimento de 10% em relação ao ano anterior (safra 2023/2024). O investimento é destinado à produção rural nacional

Foto: Arquivo Sicoob Nova Central

Sicoob vai liberar R$ 53,4 bilhões em crédito rural na safra 2024/2025
O Sicoob anunciou, nesta segunda-feira (8/7), que vai liberar cerca de R$ 53,4 bilhões em crédito rural na safra 2024/2025. O valor representa um crescimento de 10% em relação ao ano anterior (Safra 2023/2024), quando foram alocados R$ 48,4 bilhões em financiamento voltado a pequenos e médios produtores rurais, além do agronegócio.

A expectativa é que 28% do dinheiro total financie pequenos e médios produtores agrícolas.

Confira como será a distribuição do montante:
  • R$ 30,9 bilhões para operações de custeio;
  • R$ 12 bilhões para investimentos; e
  • R$ 8,9 bilhões para industrialização e comercialização.


Destes, R$ 9 bilhões serão destinados ao Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp) e outros R$ 5,9 bilhões serão liberados por meio do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf).

O diretor-presidente do Sicoob, Marco Aurélio Almada, ressaltou a liberação de crédito para o custeio das produções, quase 60% do total previsto para a Safra 2024/2025. “Banco gosta de previsibilidade, gosta da comercialização para frente. Não são muitos agentes financeiros que gostam de entrar no custeio”, disse.

Almada ainda destacou que o ritmo de crescimento do crédito rural do Sicoob é quase três vezes maior do que o nacional, de 9,2%. Ainda segundo a instituição, 36% das operações foram destinadas à pecuária e 64% foram direcionadas à agricultura.

De acordo com Francisco Posse Junior, diretor comercial e de canais do Sicoob, “os resultados que alcançamos refletem nosso compromisso contínuo em apoiar produtores rurais de todos os portes. O agronegócio é essencial para o crescimento do Brasil e, com o apoio do Sicoob, continuará sendo um motor importante para o PIB [Produto Interno Bruto] nacional”.

Ele também ressaltou que o “carro-chefe” da instituição está na pecuária, além de setores como plantação e colheita de café, cana de açúcar e soja. Para Posse, a liberação desse crédito rural servirá para “poder atender ao agro”. “O Sicoob não vai medir esforços para continuar nessa linha de atuação, porque a gente entende que é bom para nossos cooperados e para o Brasil”, completou.

Plano Safra 2024/2025

O governo Lula (PT) lançou, na última quarta-feira (3/7), o Plano Safra 2024/2025, com R$ 400,59 bilhões para fomento ao agronegócio, e a versão do programa para a agricultura familiar, com R$ 76 bilhões para o crédito rural.

Além disso, foram liberados R$ 108 bilhões em recursos de Letras de Crédito do Agronegócio (LCA) — títulos de dívidas emitidos por instituições financeiras, voltados ao financiamento do agro. O montante é um valor complementar ao total do Plano Safra.


O Plano Safra oferece linhas de crédito, incentivos e outras políticas para médios e grandes produtores.

No total, são R$ 508,59 bilhões destinados ao desenvolvimento do agronegócio nacional. O repasse foi dividido da seguinte forma:
  • R$ 293,29 bilhões destinados ao custeio e à comercialização  — o que representa uma alta de 8% em relação ao ano anterior;
  • R$ 107,3 bilhões focados para investimentos em negócios — comparado ao ano anterior, teve um crescimento de 16,5%; e
  • R$ 108 bilhões em recursos LCA.

As taxas de juros variam entre 8% a 12%, a depender do programa dentro do Plano Safra.
 
Sitevip Internet